terça-feira, 26 de junho de 2012

Buenos Aires para crianças - Parte 2 (Zoológico de Lujan)

Olá pessoal, cá estou eu de volta para contar mais um dia em Buenos Aires. 

20-06/2012 - Quarta feira: 
Hoje é o grande dia! Como disse no post anterior, no dia em que chegamos à Buenos Aires fomos logo fazer nossas reservas na van que nos levaria ao Zoo de Luján! 
7:30 da manhã - Acordamos bastante ansiosos para conhecer de perto esse zoológico onde você pode entrar nas jaulas dos animais e tocá-los. Tomamos nosso banho, descemos para tomar nosso"desayuno" (café da manhã)  e ficamos à espera da van chegar às 9h para nos buscar.  
Primeiro vou contar um pouco sobre essa cidadezinha no interior de Buenos Aires. 
Luján fica à 70 km de distância de Buenos Aires (+/- 1:30h). O zoo fica um pouco antes de se chegar ao centro de Luján onde se encontra a Basílica da Virgem de Luján. A nossa Aparecida do Norte!
Conta a lenda que em maio de 1630, a imagem da Virgem de Lujan vinha a Argentina a partir de São Paulo, Brasil. Antonio Farias Saa, era um fazendeiro criado em Santiago del Estero e queria construir em seu lugar uma capela para a Virgem. Este homem trazia do Brasil, duas imagens que representavam a Imaculada Conceição. A caravana se deteve ao longo do rio Lujan a 67 km de Buenos Aires. No outro dia, iriam continuar a viagem pela estrada , mas a Carroça transportando a imagem não se movia, eles tentaram de todas as maneiras possíveis andar com a carroça , baixaram a mercadoria, colocaram mais bois, mas foi inútil.
Os carroçeiros retiraram uma imagem, e não se moveu a carroça, retiraram a outra imagem, e a carroça passou normalmente. Nesse instante os homens perceberam que algo de milagroso estava acontecendo. Vendo que a Virgem não queria deixar o local foram para a casa mais próxima.
A família emocionou-se ao ver a imagem e colocaram-na em sua casa, a notícia correu toda a região, e até chegou em Buenos Aires.Dom Rosendo construiu uma pequena capela, entre as gramíneas dos pampas, neste local a virgem permaneceu intacta de 1630 a 1674. O local se tornou povoada com os devotos da Virgem. Assim, o espaço tornou-se uma vila que foi denominada Povo de Nossa Sra. de Lujan, em 1755 ela foi premiada com o título de Vila. A devoção à Virgem foi crescendo ano após ano,o mesmo com os milagres ,e em 23 de outubro de 1730, foi nomeada freguesia de Lujan. Assim a Nossa Senhora de Luján passou a ser a padroeira da Argentina.
Bem, depois das explicações vamos ao que interessa. 

O Zoo-Luján está localizado no quilômetro 58 da Rodovia do Oeste (Autopista del Oeste), e está aberto todos os dias do ano a partir de 09:00. Como disse o zoo fica antes de chegarmos ao centro de Luján, então a primeira parada foi lá! Chegamos por volta das 10:30. O lugar, a princípio parece meio abandonado e assim que chegamos ao local vimos um museu a céu aberto de carros antigos, tanques de guerra ... SHOW!
Entramos... coração acelerado e a primeira visita foi a jaula dos leões. Como medida de segurança crianças pequenas não podem entrar nas jaulas dos felinos adultos, apenas dos filhotes. Matheus ficou com a guia e la fomos eu e Rafael para nossa primeira experiência. 
Em todas as jaulas existem cães que tem como finalidade fazer com que esses animais selvagem aprendam com esses animais um caráter dócil e companheiro como do cachorro.
 Amigos, a experiência é mesmo fantástica. Lindo demais!! Claro que muita gente se pergunta se eles não estão dopados, mas não. Felinos dormem muito mesmo e em algumas fotos vocês podem vê-los totalmente acordados.
Quem não tiver câmera pode ficar tranquilo porque eles possuem um fotógrafo em cada jaula que tira fotos para você sem compromisso. 
Podemos tirar fotos de todos os animais com a nossa própria câmera, apenas a parte das araras, cobras e lagartos que são exclusivas dos fotógrafos do parque.

 

 

 



Ficamos lá ate +/- 16h e voltamos para a van. 
De lá fomos visitar o centro de Luján e ver a Basílica de Nossa Senhora de Luján. 
Como no dia que fomos era feriado na Argentina (Dia da bandeira) a Basílica estava bem cheia de devotos. Igreja linda!!! Vale a pena conferir. 


Nossa Senhora de luján
Depois desse dia exaustivo ainda tivemos pique para saltar no obelisco e dali pegar o metrô que nos levasse para o Shopping Alto Palermo. Lá tem um parque, desses que se compra um cartão e coloca dinheiro e brinca nos brinquedos. 
Sendo que este parque tem algo de diferente é o Mundo Cartoon Network. Todos os brinquedos são de personagens do Cartoon e a criança pode andar na van do Scooby Doo ou no carro dos Flinststones ou se preferir brincar com o Tom ou ate mesmo brincar no brinquedo do Ben 10. Bateu uma fome? No segundo piso tem o cachorro quente (pancho) do scooby doo é um restaurante onde a van do Scooby é onde é servida a comida!

A lanchonete
 

Bem depois de um dia muito cansativo e cheio de emoções, pegamos o metrô de volta para o Hotel. Jantamos no Alto Palermo Shopping mesmo. A praça de alimentação de lá ( patio de comida) não é lá essas coisas. Pra falar a verdade acho que o único shopping que visitamos que a praça de alimentação é melhorzinha é a do Abasto Shopping.


Metrô linha D com estofado em veludo.
O metrô (Subte) de Buenos Aires é um meio de locomoção facil, barato e rápido. Custa apenas $2.50 pesos argentinos ( +/- R$ 1.25). São 5 linhas no total de A a E. A linha A é a mais antiga (1913) e é uma atração turística, por haver sido a primeira linha subterrânea da América Latina e por manter os trens que se utilizavam no início do século XX. É toda de madeira!!! Infelizmente não usamos esta linha, apenas as linhas B e D. A linha D os bancos são todos de veludo acolchoado! Super confortável! 
Bem como podem ver, o dia acabou e estávamos exaustos. Chegamos ao Hotel Depois das 20h. Só deu tempo de tomar um banho e desabarmos na cama.

Beijos e ate amanha! 

Andreia

6 comentários:

vanice disse...

Ai que tudoooo Andreia !! Amei e vou mostrar o post pro marido...Ah, menino Thalles já se animou todo aqui por conta dos personagens do Cartoon,kkk...
Amiga ,uma pergunta, Matheus comeu a comida de lá numa boa? A comida é muito diferente da nossa?kk
bjos

Déia. disse...

Amiga,
este é um post que devo falar hoje. Comida!
Lá basicamente é: milaneza com papas fritas ou bife de chorizo com papas fritas ( ou pure de batata), empanadas ( uma especie de pastel de forno) e muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito refrigerante!
Não existe la suquinhos, ice tea, essas coisas. ou é agua ou refri. Nos mercados ate se acha sucos de caixinha e ades.
Foi dificil pq Matheus nao curte tanto carne vermelha e nem batata frita, acredita? Sofri. Mas tem opcao de restaurantes de massas e pizzas.
bjs

Orvalho do Céu disse...

Olá,querida
Que post mais terno!!!
Deus te cubra de bênçãos e te faça feliz!!!
Bjs festivos de paz

Ju Dalzoto disse...

Oi Déia!!!
Nossa, quanto tempo não passava por aqui! Adorei ler sobre a viagem! Fiquei encantanda com as fotos com os felinos - que vontade que deu!!!

Um super beijo pra vcs viu?!
Beijocas no Matheus - que tá lindo, por sinal!

Tudo de bom!!!
Ju

Anônimo disse...

Ola Deia td bem?

eu irei para buenos aires no dia 19/12 e irei fazer o mesmo passeio que voce fez.
gostaria de saber de quem vc contratou o serviço de van do centro de buenos até o zoo e depois do zoo até a basilica
Obrigado

Att
Daniel

Déia. disse...

Oi Anonimo...
contratei la na "calle florida" mesmo.
Posso ate ver se ainda tenho o nome da empresa. MAs era de um carioca que estava morando lá e fazendo turismo pra brasileiros.
Outra coisa o passeio a Lujan inclui o passeio a basilica.
Não se paga nada a mais.

Saudades de la!

Bjs e boa viagem, vc vai adorar.

Isso tambem te interessa...

Blog Widget by LinkWithin