quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Sessão nostalgia!

Nossa, cadê aquela época em que saíamos da escola correndo pra casa pra trocar de roupa e brincar com os coleguinhas? Adorava sair do colégio, no Leme, e ficar ali mesmo na rua brincando com meus colegas de pique esconde, pique alto, cabo de guerra ... Nós, meninas, adorávamos ficar brincando de amarelinha, pula corda, passa o anel. E os meninos sempre eram ligados no futebol e na bolinha de gude.
Poxa sinto falta desse tempo, quando íamos pra Friburgo a turma lá era maior e brincávamos de queimado, pique esconde, cabra-cega e jogávamos carta (bafo, rouba monte, burro, mico) quando chovia. Era uma festa sempre.
E os jogos de tabuleiro? War, Detetive, Banco imobiliário, Ludo, Interpol (amava esse jogo!!!), Imagem e ação (sempre acabava em porrada, porque sempre tinha um que tentava roubar!)... tinha um que ficava "ad eternum" em friburgo que era ótimo para dias chuvosos (que eram quase todos os dias): ele era uma roleta com as letras do alfabeto e várias cartinhas. Cada uma delas tinha uma frase incompleta. Entao era +/- assim: a gente tirava a cartinha... " na minha cozinha tem ... Daí girávamos a roleta. Se saísse a lera S, por ex., tínhamos que falar tudo que tinha na cozinha com a letra S. Quem falasse primeiro ganhava. Era demais e adorávamos ficar horas brincando daquilo. Fora, CLARO, o inigualável jogo da adedanha. Tinha sempre que ter nomes de carro, filme, cigarro, homem, mulher, bicho e sempre que saía a letra D tinha sempre um engraçadinho que falava: bicho com D - Dinossauro. kkkkkkk Nossa quanta coisa, quantas lembranças...

As brincadeiras eram saudáveis e era raro o dia em que ficávamos enfurnados em casa jogando video games ou no computador como é hoje em dia. Matheus com certeza irá brincar de todas essas brincadeiras porque farei questão de mostrar a ele e brincar com ele.
Sinto falta dessas brincadeiras ao ar livre. Soltar pipa, correr descalço na grama. Cada dia que passa parece mais impossivel disso acontecer até mesmo pela situação em que vivemos hoje.

E vocês, lembram de uma brincadeira que gostava na infância? Algum jogo em especial?
Beijos

8 comentários:

Fran disse...

Elástico!!!!
Era legal quando o elástico parava no pescoço!!!! hahahahaha...

E queimado na hora do recreio era básico!

Déia. disse...

Caramba, tinha esquecido do elastico... rsrsrs era bom demais!!!
kkkkkkkkkkkkkkkk
No recreio a gente sempre brincava de píque alto ou de queimado... rs
E bambolê. caraca lembro que teve concurso de bambole na escola e eu ganhei. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Yedda disse...

To aqui me lembrando das brincadeiras de vcs, principalmente as brincadeiras la em Friburgo .
Tempo muito bom aquele .

Lu Lopes disse...

Adorei a postagem , realmente esse tempo está meio esquecido, hoje em dia a maioria das crianças volta correndo pra casa, mas é pra ir direto pro computador ou video-game, infelizmente são poucas as que mantém essa tradição da brincadeira de rua, sendo que, acho que muito disso vai de criação, da permissividade dos pais em deixarem essa situação se criar!!
Que pena! Mas que era bom, era!!!
------------------------------
Bem, quanto a massinha, de repente ainda não trabalharam pelo fato de muitos ainda estarem, ou já saindo da fase oral, pois geralmente algumas professoras tem receio de que eles possam levar a boca. Mas nada que uma atenção maior a isso, não possibilite seu manuseio!!
Aconselho você a comprar e ir trabalhando em casa com ele, é muito estimulante, desenvolve o psicomotor, é ótimo!!
Tem algumas que são especiais, que não são tóxicas, "Soft" o nome, elas vem em caixinha ou então em um copinho plástico pequeninho...
Vou postar no blog a receita caseira para o dia da criança!!
Bjos flor!!!

Priscilla disse...

Lembrar é bom d+
Eu não costumava brincar na rua, meu pai era superrr protetor, porém adorava brincar no quintal de casa que era grande...brincava de esconde-esconde,pega-pega, pular corda...e de casinha montava-mos uma espécie de tenda no quintal e arruamavamos como uma casinha e faziamos salada de fruta.
Ser criança é bom! devemos lembrar sempre dessa época, até pra lidarmos e entendermos melhor as nossas crianças hoje.
Lembra aqueles adultos chatos? que implicavam com tudo? até com as risadas altas?não vamos nos transformar neles neh?! rsrs bjuss

Déia. disse...

Bom demais relembrar né?
:)

Augusto Dantas disse...

Ô Déia,sempre lembro desse tempo quando vejo Gustavo brincando... Lembro de nós três em Friburgo aprontando todas, os jogos de tabuleiros eram incríveis, esse da roleta nem lembrava mais... mas me lembro da versão caseira dele, "lá vai um barquinho carregado de..." e outra brincadeira que brincávamos também, era aquela em que fazíamos mapas e íamos resgatar um tesouro... tempo bom que quero que nossos filhos curtam igual ou melhor. Saudades

Andreia disse...

Guto, essa do mapa falo sempre para o Rafael e ele diz que era um RPG que a gente jogava e nem sabia .rs
Ah como era bom... eu sinto muita falta.

Isso tambem te interessa...

Blog Widget by LinkWithin